Recorda desde a divina matriz o real propósito a que vens AQUI e pelo qual AGORA te manifestas!

Enquanto um diz: Namastê, te saúdo e te reconheço como a sagrada divindade. Em outro lugar, o outro pulsa: In lake´sh, eu sou o outro em você a serviço planetário da compreensão, da aceitação, da cura, da libertação e da realização.

Aquele que tudo vê, nos inspira e responde: "Com visão e esperança danço e canto para o coração divino." Acredito que assim nasce o puro, verdadeiro e divino AMOR, nossa responsabilidade básica.

Aqui e agora é tudo que existe de ETERNO. Respiro e sinto o que simplesmente É e dentro dessa Eternidade, a lembrança IMORTAL: SOMOS UM na Divina Presença.

Seja uno com cada ser-elemento manifesto e a gratidão lhe conecta na fonte de amor e alegria infinita, paz e compaixão infinita, paciência e tolerância infinita.

No espelho do ser, o reflexo D´eus. A união do Todo se traduz num som... OM... AMEM... silêncio!

OM TAT SAT OM...

Ser Yoga


"Todas as coisas se revelam pelo conhecimento do SER.
O SER se revela por todas as coisas.
Como a natureza desses dois aspectos é a mesma,
deve-se meditar sobre o conhecedor e o conhecido
como sendo um só e mesmo princípio"
Vijñanabhairava, 137

A vida é cheia de atribulações e percalços por entre momentâneas alegrias. A meta é transcender todo e qualquer conceito, padrão, paradigma, julgamento, dualidade ou o que quer que seja. A meta é ser livre, ao libertar-se é possível ser pleno e na inteireza a liberdade de simplificar a existência, liberando a visão ampla que vê nos horizontes as oportunidades infinitas que lhe satisfazem e trazem a real felicidade perene.

Esse é um longo caminho que exige força de vontade e dedicação, e, todos nós, somos capazes de chegar lá, a esse estado de Ser!


"Toda a criação é paz, infinita e eterna. Veja a infinita consciência em tudo e fique em paz. Yoga é a cessação das experiências dos objetos. Fique no estado de Yoga e faça o que você tem que fazer. Fique no estado de yoga e VIVA!" (Laghu Yoga Vasishtha)


Yoga como a Unidade do Ser, como a integração do todo em UM. Algo divinamente belo e sagrado que só a experiência possibilita vivenciar e saborear. Yoga é estar presente. O estado de Yoga existe na simplicidade. Yoga, intensa rendição, em que se está inteiro e unido ao eterno momentum, em que se vive o completo aqui e agora. Essa é a prática!
Segundo as escrituras do Tantra: "... tranqüilidade e paz vêm de dentro para fora. Tudo que está dentro está fora. E senão está dentro, não está em lugar nenhum."

Descobrir, revelar e potencializar o que já É e está imerso na Realidade Eterna – TAT TWAN ASI - "Aquilo que É sendo apenas Isso", sempre presente e existente, porém mascarado pelos véus das ilusões, apegos e vicissitudes da vida.

Abrir o Yoga do OLHAR PARA O INTERIOR na integração do corpo, da mente e da consciência, possibilitando o resgate da paz e harmonia entre o mundo de dentro e o de fora. E poder enfim manifestar o estado do simplesmente Ser não-dual, além dos opostos, a liberdade dos altos e baixos, equilíbrio equânime.

O fluxo natural da existência é apenas ser tal qual a gota, que segue no interior do rio em direção ao Oceano, transpondo as alturas e profundezas de si mesmo. Se entregue, na confiança e aceitação que és singela gota em direção ao mar de Bem-Aventurança, Amor e Paz.

És luz, a luz do Yoga está em ti!