Recorda desde a divina matriz o real propósito a que vens AQUI e pelo qual AGORA te manifestas!

Enquanto um diz: Namastê, te saúdo e te reconheço como a sagrada divindade. Em outro lugar, o outro pulsa: In lake´sh, eu sou o outro em você a serviço planetário da compreensão, da aceitação, da cura, da libertação e da realização.

Aquele que tudo vê, nos inspira e responde: "Com visão e esperança danço e canto para o coração divino." Acredito que assim nasce o puro, verdadeiro e divino AMOR, nossa responsabilidade básica.

Aqui e agora é tudo que existe de ETERNO. Respiro e sinto o que simplesmente É e dentro dessa Eternidade, a lembrança IMORTAL: SOMOS UM na Divina Presença.

Seja uno com cada ser-elemento manifesto e a gratidão lhe conecta na fonte de amor e alegria infinita, paz e compaixão infinita, paciência e tolerância infinita.

No espelho do ser, o reflexo D´eus. A união do Todo se traduz num som... OM... AMEM... silêncio!

OM TAT SAT OM...

quarta-feira, 2 de janeiro de 2008

Saudações yogues-artisticas

Vamos brincar? A vida também é brincadeira e arte, é sorrir e ser feliz com amor e alegria.


Então, primeiro entre neste presente, brindemos ao amor e à amizade e à família, brindemos a tudo o mais e de amor nos embriaguemos , este é o milagre e depois de nos embriagar de amor dancemos e cantemos: EU TE AMO - pai, mãe, namorado, namorada, amigo, amiga, tio, tia, primo, prima, vó, vô, ...., animais, terra, água, ar.

Enfim...

Páre um pouco, lembre-se que você tem o livre arbítrio e opte pelo que lhe for melhor. Mas lembre-se de reconhecer: EU TE AMO VIDA E TE AMO VOCÊ !!!

E sorrindo nos preparemos pra mais, a felicidade está batendo na porta do seu peito e quer entrar e sair do seu coração e crescer muito mais! Ê, viva!

Assim como as estações vem e vão, aqui estou. Passamos pela interiorização no inverno, auto análise, canalizando, vivenciando, momento de determinações para executar as metas e focalizar atenção para conclui-las.

Aí vem a primavera, inicio das mudanças, ressurgimento, cores aos olhos atraves das belas flores, em rosas, em amores-perfeitos e tantas outras lindas flores multicolorindo o viver.

A estação começa é primavera, a hora da renovação, florescimento, bom periodo para a meditação e a contemplaçao. A primavera é desabrochar. Viva!!!

Enfim, as cigarras cantam fortemente e alto em suas cançoes de amor e contemplação.Viva é primavera! É essa a hora da beleza, de concretizar os elos e firmar a transformação, permita-se mudar, é o inicio de um novo ciclo contínuo e constante.

Mais um dia raiou, vc vê melhor o brilho do sol, o verão chega com as cores mais vivas e coloridas, tudo ressurgindo e irradiando em mais viver. Aqui no cerrado é tudo muito intenso, ou será que sou que abri mais os olhos? Vejo tudo diferente.

Entre em sintonia. Sinta o Puro Ritmo de sua existência, sinta a pura magia, o puro ser. Esteja consciente da essência e do amor, consciente de não poluir seu corpo e o meio ambiente.

Perceba que se nada é ruim, porque é só adaptação ao que não parece afins e associar àquilo que é melhor e afins com os respectivos ideais e metas. Assim somos e logo o outono chega e deixa suas folhas secas caírem.

Siga o coração e a meta do yoga que é o auto-conhecimento com o intuito de ser melhor como ser humano a cada dia (auto-superação, TAPAS). Perceba que sem procurar encontrar o Absoluto ouvindo a voz interior da divindade, nada vale praticar... fica vazio, oco...há de se ter um propósito mais espiritual, porque senão é só uma máquina automatizada em busca de melhorar a matéria e quando morremos essa matéria é só um corpo inerte e sem vida, mas a alma que anima este corpo, esta sim é eterna e é dela que devemos cuidar com carinho.

Isso não quer dizer que não tenho que cuidar do corpo, pelo contrário, "corpo são, mente sã", mas desapegado de ego, cuidar do corpo como instrumento que é para que nossa alma se manifeste e evolua.

Aí vem a finalidade final do yoga, meditar... sem este artifício, o yoga é meramente migalhas, quando permitimos e trabalhamos em prol da expansão da consciência percebe-se que estamos diante de um banquete e assim concordo que o yoga é extenso demais para traduzir em palavras, por isso a importância suprema da prática em si.

Assim disse Albert Einstein : "Concentre-se em conhecer (saber sobre tudo) e não em acreditar (fanatiza e escraviza)."

Creio que a partir do momento que você se identifica, se dedica e especializa-se para dar o melhor de si, porém não somos uma ilha só, temos mar à nossa volta e outros seres habitam este universo justamente para interagirmos e compartilharmos, aprendendo para crescer e evoluir com o devido cuidado inato do ser humano. Se bem que uns se conectam mais com o cuidado essencial que outros.

Outro dia só por curiosidade fui numa palestra gratuita do prof.Hermógenes relançando um livro seu, teve também uma apresentação de cítara com o esplêndido Alberto Marsicano e exposição de fotos da Índia um fotógrafo chamado Marcelo. Tinha coquetel e tudo mais, até comentei sobre o fato de ter álcool e alimentos de origem animal, mas a resposta que me deram até que convenceu, muitas vezes ele é só convidado e quem organiza essa parte de coquetel são pessoas que não são afins ou entendidas da importância do yoga e vegetarianismo.

Para a nossa sociedade é muito comum comer carne, "anormal" somos nós que optamos por uma vida mais saudável sem precisar maltratar os pobres bichinhos.

Enfim, aquele velhinho professor de ióga, como dizem, mas falando yôga e cheio de bom humor, disposição e vigor, ele me surpreendeu, o cara é um espetáculo, cheio de piadinhas e bons ensinamentos da filosofia e nas entrelinhas muita coisa subliminar, claro que em alguns pontos discordei de sua maneira de explanar e associar a prática e a filosofia a casos de curas milagrosas e terapias com sucesso, afinal a filosofia milenar do yoga é deveras maravilhosa e fica vaga ao se voltar somente como uma mera terapia, como diria o mestre DeRose, isso são só as migalhas.

Se bem que cada um precisa e se utiliza de meios que necessita no momento e depois que sente a vontade, ou o chamado de aprofundar, nem todos eu sei, mas entra uma outra frase de Fernando Pessoa : "Tudo vale a pena se a alma não é pequena".

Porém por outro lado ele aplica as normas éticas e morais do código yogin, e creio eu, é isso que importa. Gostei de conhecê-lo pessoalmente e ver que ele é bem enfático no que se refere a uma filosofia de vida saudável e isso inclui :
- ser vegetariano (alimentação sadia)
- praticar yoga
- controlar emoções (aí é que entram os yamas e nyamas, código de ética yogue, lembra deles?)

E falou sobre tópicos bem interessantes que todos nós sabemos ser necessários :
- Amar
- Fazer bem pelo próximo e/ou desconhecidos
- Desapego (de modo geral e principalmente abolir o que é ruim)
- Força de vontade para mudança (diz ele para deixar esse estilo de vida "normótico" que vivemos)
- Fé é agente terapêutico (mudar modo de agir, pensar e deixar a divindade atuar, lembre-se que essa divindade está dentro de nós)
- Filtrar o que ouve, vê, sente e fala
- Ver o lado iluminado e belo ao redor
- Vivenciar o verde, contemplar a natureza
- Bom humor é mergulhar na paz (SANTOSHA = contentamento)

Assimilei as informações da seguinte maneira neste resumo :
- AMAR é primordial na existência (Jesus Cristo mostrou c/ seu exemplo e ensinamento)
- liberdade = desapego / auto-entrega
- confiança = fidelidade a si próprio / segurança
- compreensão = respeito / diálogo

Sinceridade é de suma importância, na verdade vejo que é importante acreditar com confiança e sem medo, isso tudo que está descrito acima vale para os relacionamentos em geral e para tudo em nossas vidas. Enfim, esse é meu modo de ver e entender as coisas, se é o mais correto, se é certo ou não, eu só compartilho do que aprendo e continuo aprendendo a cada dia, e mudando sempre para melhor, essa é a essência?

Lembro-me de ter lido no Bhagavad Gita, acho que é mais ou menos assim : "Eu estou em ti e você está em mim."

Podemos entender assim: DEUS - EU - PRóXIMO (TODO - UM - OUTROS). Em Deus, a bem-aventurança e felicidade. No Eu, o amor. Em Você, a prática (vivência, aprendizado e demonstração do conhecimento).

O que você acha?

Namastê (O Deus que está em mim saúda o Deus que está em ti)

* * *

Ah, Alberto Marsicano sempre é tocado na CulturaFm, rádio de São Paulo, e toca divinamente, pela primeira vez tive oportunidade de vê-lo ao vivo e conhecê-lo. Tocou com o coração e me proporcionou um êxtase divino. Meditei profundamente e... sem palavras para descrever tamanha magnitude. Vale a pena ouvir um CD dele!

* * *
Amor em paz e bem, em luz divina...
Beijos e carinhos

Nenhum comentário:

Postar um comentário