Recorda desde a divina matriz o real propósito a que vens AQUI e pelo qual AGORA te manifestas!

Enquanto um diz: Namastê, te saúdo e te reconheço como a sagrada divindade. Em outro lugar, o outro pulsa: In lake´sh, eu sou o outro em você a serviço planetário da compreensão, da aceitação, da cura, da libertação e da realização.

Aquele que tudo vê, nos inspira e responde: "Com visão e esperança danço e canto para o coração divino." Acredito que assim nasce o puro, verdadeiro e divino AMOR, nossa responsabilidade básica.

Aqui e agora é tudo que existe de ETERNO. Respiro e sinto o que simplesmente É e dentro dessa Eternidade, a lembrança IMORTAL: SOMOS UM na Divina Presença.

Seja uno com cada ser-elemento manifesto e a gratidão lhe conecta na fonte de amor e alegria infinita, paz e compaixão infinita, paciência e tolerância infinita.

No espelho do ser, o reflexo D´eus. A união do Todo se traduz num som... OM... AMEM... silêncio!

OM TAT SAT OM...

segunda-feira, 10 de março de 2008

Pedido para a paz


"Primeiro deve haver ordem e harmonia
em tua própria mente.
Depois essa ordem se espalhará a tua família,
então à comunidade,
e por fim ao teu reino inteiro.
Somente então terás paz e harmonia. "

Confúcio


Eu declaro minha intenção de praticar a paz em meus próprios mente, coração e alma, expressá-la em meus repouso e comunidade, e juntá-la junto com corações de todos através do planeta nas preces de gratitude para a diversidade de crianças de Deus.

Eu escolho falar com a bondade.
Eu escolho agir com respeito.
Eu escolho viver com autenticidade.
Eu escolho amar profundamente e incondicional.

Nós pedimos paz.
Nós procuramos a comunhão pessoal e largamente pelo mundo.
Nós estamos batendo em sua porta, na celebração do amor e da união.

OM... AMEM...

"A Paz Mundial
deve se desenvolver a partir da paz interior.
Paz não significa ausência de violência.
Paz é a manifestação da compaixão humana."
Sua Santidade o Dalai Lama

Nenhum comentário:

Postar um comentário