Recorda desde a divina matriz o real propósito a que vens AQUI e pelo qual AGORA te manifestas!

Enquanto um diz: Namastê, te saúdo e te reconheço como a sagrada divindade. Em outro lugar, o outro pulsa: In lake´sh, eu sou o outro em você a serviço planetário da compreensão, da aceitação, da cura, da libertação e da realização.

Aquele que tudo vê, nos inspira e responde: "Com visão e esperança danço e canto para o coração divino." Acredito que assim nasce o puro, verdadeiro e divino AMOR, nossa responsabilidade básica.

Aqui e agora é tudo que existe de ETERNO. Respiro e sinto o que simplesmente É e dentro dessa Eternidade, a lembrança IMORTAL: SOMOS UM na Divina Presença.

Seja uno com cada ser-elemento manifesto e a gratidão lhe conecta na fonte de amor e alegria infinita, paz e compaixão infinita, paciência e tolerância infinita.

No espelho do ser, o reflexo D´eus. A união do Todo se traduz num som... OM... AMEM... silêncio!

OM TAT SAT OM...

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009

Certa vez, os cinco dedos...


Certa vez, os cinco dedos de uma mão discutiram entre si sobre qual dedo seria o mais importante.

O dedo médio argumentou com ego: "Eu sou maior que todos vocês. Há dois guarda-costas em cada lado meu; eu sou o mais importante".

O indicador disse: "Vocês só podem fazer qualquer trabalho quando eu lhes mostro o que fazer. Caso contrário, não podem. Portanto, eu sou o mais importante".

O dedo mínimo interveio e disse: "Embora eu seja pequeno em tamanho, estou à frente como o comandante chefe para punir qualquer indivíduo ou ensinar-lhe uma lição. Portanto, eu sou o mais importante".

Então, o anular riu e disse: "As pessoas usam diamantes e anéis de pedras preciosas apenas no dedo anular. Portanto, eu sou o rei de todos".

Finalmente, depois de ouvir todos os argumentos, o polegar riu alto e concluiu a discussão, dizendo: "Nenhum de vocês pode realizar qualquer tarefa sem mim. Portanto, vamos nos unir e trabalhar. Não se pode fazer nenhum trabalho com apenas um dedo. Quando todos os cinco dedos da mão se unem, podemos realizar qualquer tarefa".

De forma semelhante, se as pessoas estiverem divididas, nenhum trabalho poderá ser executado. A unidade é muito importante.


Sai Baba

Nenhum comentário:

Postar um comentário